Bancos brasileiros testam tecnologia blockchain

0
233
bancos brasileiros utilizam tecnologia blockchain

O avanço tecnológico obrigou diversas entidades financeiras a agilizar o tramite de dados, e, principalmente, dinheiro. A tecnologia blockchain, a mesma usada para gerenciar a moeda digital bitcoin, já vem sendo testada pelos principais bancos brasileiros, para fim de diminuir custos de transações. O Brasil, porém, ainda engatinhando em relação a outras economias mais avançadas neste ramo, avaliam especialistas.

Assim como ocorre com as criptos, com blockchain é possível distribuir dados pela rede de várias máquinas conectadas em locais diferentes. Cada máquina tem uma cópia do conteúdo, que é gerenciado de forma compartilhada.

loading...

A grande vantagem é que esses dados são armazenados em blocos de informação criptografada, o que torna impossível excluir uma informação depois que ela foi inserida no sistema. Também é importante destacar a dificuldade do trabalho dos hackers, porque cada mudança precisa ser validada por várias máquinas. Toda a rede compartilhada checaria a operação, agilizando e barateando o processos.

Tecnologia Blockchain

O primeiro teste da nova tecnologia ocorreu em abril deste ano no Brasil, quando uma equipe de trabalho na Febraban (Federação Brasileira dos Bancos) em 16 entidades, entre elas os cinco maiores bancos do país, o Banco Central e a Bolsa B3, apresentou uma simulação fictícia de compartilhamento de cadastro com dados de clientes.

Segundo Adilson Fernandes da Conceição, coordenador do grupo de trabalho da Febraban:

“O blockchain permite ter mais eficiência operacional, que é o que todos os bancos procuram”

Todo este processo poderia ser utilizado também para transferências de dinheiro, ações, propriedade intelectual, pontos de fidelidade e mesmo votos, afirma Don Tapscott, um dos autores do livro “Blockchain Revolution” (“A Revolução Blockchain”, em uma tradução livre).

“Hoje, utilizamos intermediários, como bancos e emissoras de cartões, para garantir a segurança de transações. Mas eles são centralizadores, o que significa que podem ser hackeados, e custam muito caro, tornando as coisas mais lentas”, critica.

Outros países já vem adotando a tecnologia blockchain

O banco espanhol BBVA fez um teste e enviou euros da sede na Espanha para serem convertidos em pesos mexicanos na filial do país latino-americano, conforme publicamos aqui. O Santander fez um projeto-piloto parecido, remetendo dinheiro de Londres para Nova York.

Casa Branca reafirma compromisso dos EUA com Blockchain

O Reino Unido está na dianteira em termo regulatórios. O Banco da Inglaterra (BC britânico) testou se era possível sincronizar um pagamento de milhões de libras que passaria por seu sistema de compensação e chegaria ao de outro banco central. A operação foi considerada bem-sucedida e a tecnologia segue em rumo de ser consolidada.

Comentários do Facebook
Bancos brasileiros testam tecnologia blockchain
5 (100%) 1 vote

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

CommentLuv badge